C&W assessorou Blackstone na compra de portfólio, no maior negócio de investimento comercial dos últimos 8 anos

Clique para Ampliar

A Cushman & Wakefield anunciou hoje que atuou em nome da Blackstone Real Estate Partners Europe IV na compra de um portfólio de ativos de retalho e logística a dois fundos de investimento imobiliário geridos pela ESAF – Espírito Santo Fundos de investimento Imobiliário, SA. Esta transação representa o maior negócio de investimento em Portugal dos últimos 8 anos.

O portfólio inclui ativos do setor logístico que totalizam 185.000 m2 localizados na Azambuja, o principal eixo logístico de Portugal, a cerca de 50 km de Lisboa. Os imóveis estão totalmente arrendados, sendo os maiores inquilinos a Sonae e a Logiters.

Quanto à parte de retalho, o portfólio consiste em 65.000 m2 de espaços comerciais localizados na área da Grande Lisboa, e incluem ocupantes como o Continente e Modelo.

“Esta transação prova a visão estratégica e capacidade de execução da Blackstone, e também da ESAF por terem criado um portfólio com tanta qualidade”, comenta Luís Rocha Antunes, partner e diretor de investimento da Cushman & Wakefield em Portugal.

“O mercado português tem vindo a melhorar significativamente depois da saída limpa da Troika em Maio deste ano. Apesar de ainda ser necessária alguma prudência ao investir no nosso país, existem excelentes oportunidades disponíveis para os investidores mais astutos”, continua Luís Rocha Antunes. “Depois de muitos anos de estagnação, o volume total de ativos transacionados até ao final do ano rondará os mil milhões de euros em Portugal, estando a Cushman & Wakefield envolvida em mais de 500 milhões”.