Cartier abre nova loja flagship em Lisboa

Clique para Ampliar

A loja, aberta ao público desde Julho, totaliza uma área de 575 m2 tendo sido projetada pelo arquiteto francês Bruno Moinard, responsável pelo design de interiores e arquitetura de todos os espaços da Cartier no mundo.

Além do espaço ocupado pela marca de joalharia, o edifício Étoile 240 que foi totalmente remodelado, oferece ainda 1.800 m2 de escritórios para arrendar.

A Cushman & Wakefield está envolvida com este edifício desde 2011, altura em que o departamento de investimento foi responsável pela venda do mesmo a um investidor francês privado, a Largetoile, atual proprietário, tendo depois arrendado o espaço comercial à Cartier. A C&W é ainda responsável pelo arrendamento dos escritórios do edifício, em conjunto com a B.Prime.

De acordo com Isabella Jurado-Blanco, associate do departamento de retalho da Cushman & Wakefield, “Esta grande e complexa transação foi tornada mais fácil pelo perfeito entendimento entre as duas partes. A Cartier exige os mais altos padrões de qualidade em todas as localizações onde se instala, e que no caso de Lisboa, a Largetoile cumpriu totalmente”.

“Os responsáveis da marca analisaram todas as alternativas possíveis para se instalarem na Avenida da Liberdade e optaram por escolher o edifício Étoile 240 que estava a ser totalmente reconvertido. A arquitetura elegante, a localização de excelência e as montras de grandes dimensões foram os fatores decisivos da Cartier”, conclui Isabella Jurado-Blanco.